FIQUE POR DENTRO DO NOSSO CONTEÚDO, CADASTRE-SE:

Afrodisíacos

20 de setembro de 2018

Descubra tudo sobre o poder dos alimentos que mexem com a libido

Toda a mulher adora dar uma apimentada na relação. Mas, às vezes, a lingerie mais ousada já caiu na mesmice, o jantar romântico com direito à sobremesa também não está funcionando como antes e a ida ao motel aos sábados virou programa de índio, pois ficar na fila da pernoite durante duas horas faz qualquer um perder o tesão. Então, que tal partir para a cozinha? Não estamos falando de transar em cima da mesa ou na pia – isto já virou monotonia – , mas sim de aproveitar os alimentos ditos afrodisíacos e dar aquela animada no sexo.

Pois, vamos combinar, aquela comida fresquinha e cheirosa, que mexe com todos os sentidos, deixa qualquer um com uma boa sensação. E levar o companheiro a um restaurante assim é demais e já abre espaço para aquela conversa mais quente. Mesmo para o primeiro encontro, se o bofe te leva num restaurante desses, alguma coisa nova ele está querendo te mostrar. E acredite, é bom experimentar! “A comida é uma forma de sedução, e isto vem por meio de um restaurante com um bom cheiro, um bom vinho e decoração intimista”, explica Amaury Mendes, ginecologista, sexólogo e médico do ambulatório de sexologia da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro).

Quebrando o gelo

Mas é bom deixar claro que aquela pizzaria ou churrascaria que vocês adoram não vai resolver em nada. Estes locais são “normais demais”. Agora, um restaurante afrodisíaco desperta curiosidade, além de render muita conversa, e depois, aquele sexo para lá de bom. “Um restaurante assim tem todo um glamour, tem shows, comidas diferentes, e insere o casal num outro contexto”, comenta Eric Thomas, chefe de cozinha do restaurante Tantra, especializado em comida afrodisíaca, localizado em São Paulo.

Todos os sentidos

Os alimentos que mexem com a libido são sempre boas fontes de energia. Salmão e ostra, por exemplo, têm iodo, fosfato e zinco. Além disso, o afrodisíaco também é criado pelos restaurantes e pelos próprios consumidores. “Podemos trabalhar em cima da raridade dos alimentos, quanto mais raro, mais afrodisíaco. E também nas lendas urbanas sobre eles, que excitam os clientes”, explica Thomas. Além disso, a aparência e textura do prato também contam muito, é preciso aguçar os sentidos e deixá-los à flor da pele para curtir com o parceiro aquele momento.

Conquistando pelo estômago

Depois de experimentar alimentos afrodisíacos nos restaurantes, você também pode tentar reproduzir os pratos em casa. Uma dica é escolher temas: se numa noite, o tema escolhido é morango, o prato principal pode conter a fruta, assim como a bebida e a sobremesa. Até a decoração pode ser de morangos. “A sexualidade é tudo aquilo que o homem inventa com fins sexuais. Você não convida seu melhor amigo para tomar um vinho”, detalha Mendes.

Conheça alguns alimentos

A lagosta com semente de papoula é um dos pratos mais pedidos do Tantra. Outros exemplos de alimentos são os aspargos, que contêm vitaminas que ajudam a chegar ao orgasmo e ostras, que também são altamente nutritivas, contendo zinco (que aumenta a testosterona, e automaticamente, a atividade sexual). O chocolate também pode ser citado já que dá uma saciedade sexual.

E as bebidas não ficam de fora. “Uma boa dica são os drinks preparados com raízes, pimenta e mel”, conta Thomas. Depois desta verdadeira orgia gastronômica, com total certeza o casal voltará a ter um estreitamento na relação, que muitas vezes dá certo, já que o tesão também é recriado na maioria dos casos. Pode apostar!

Renata Alarcon

Renata Alarcon

Publicitária, Palestrante, Escritora e Fundadora do Armário Feminino, A 1a. TV Digital para a Mulher. São mais de 10 anos dedicados a produzir conteúdo, mais de 7 milhões de visualizações por mês e mais de 2 milhões de reais investidos. Muito amor e energia aplicados em ajudar milhares de mulheres.

VÍDEOS QUE VOCÊ VAI GOSTAR!