Em Breve! Canal de Vídeos
 


Bichanos cada vez mais mimados

Estudo aponta que os brasileiros estão gastando mais dinheiro com a alimentação de seus animais de estimação do que com arroz e feijão

A Fundação Instituto de Pesquisa Econômicas (Fipe) promoveu uma nova Pesquisa de Orçamento Familiar (POF) brasileira, que aponta como a população está dividindo os gastos dentro de casa. Ao longo do estudo, foi apresentado que o brasileiro aumentou o consumo de artigos para animais de estimação em relação à compra de alimentos, como o feijão. Só na cidade de São Paulo, as famílias gastam em torno de 0,55% de seu orçamento com a alimentação industrializada de seu bichano.

Porém, de acordo com alguns fabricantes de comida para cães, gatos e outros pets, esses números significativos acontecem pelo fato do produto ser mais caro que a do feijão, o que faz com que os consumidores naturalmente gastem mais com os bichinhos. Outro ponto é que este tipo de alimento é o único consumido pelo pet, diferentemente da alimentação humana, que apresenta muitas diversidades, e o feijão pode ser substituído por outras iguarias. Mesmo assim, é preciso ficar atento para que ocorra um equilíbrio entre a refeição do animal com a dieta da família, para que ninguém saia prejudicado.




Foto: StockPhoto
 
Siga-nos no Instagram
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas