Em Breve! Canal de Vídeos
 


Chega de chefe!

Abrir um negócio próprio é o sonho de muita gente, mas é preciso tomar alguns cuidados, ou então, o que era para ser a solução de muitos problemas, pode se tornar uma enorme dor de cabeça

Imagine a seguinte situação: não ter chefe, aumentar a renda e fazer seus próprios horários. Maravilhoso, não é mesmo? Estas são algumas das coisas que passam pela cabeça de quem pretende montar seu próprio negócio, mas ser empreendedor não é tão fácil assim. Segundo o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), a cada dez empresas abertas no Brasil, seis fecham antes de completar cinco anos de vida.

Para não fazer parte destas estatísticas, é preciso driblar alguns obstáculos e adotar diversas precauções antes de abrir sua própria empresa. Conheça abaixo cada um dos principais fatores que não podem deixar de sair do seu caderninho de empreendedor:

Estude
Escolha um tipo de negócio, pesquise muito sobre aquele mercado, converse com empresários e profissionais do setor. É importante saber onde está pisando antes de desenvolver qualquer ideia.

Ouça
Converse com consumidores e possíveis clientes para descobrir as necessidades destes que gerarão renda para o seu negócio. Ouvindo estas pessoas, você poderá descobrir um nicho de mercado que precisa ser preenchido. Quanto mais inovador for a sua empresa, menos concorrentes você terá no início e seu novo negócio terá mais possibilidade de prosperar.

Organização
Trace um plano para o seu novo empreendimento, metas e investimentos a serem feitos. Agir por impulso e sem planejamento pode ser o começo do fim do sua empresa. Contratar um contador também é obrigatório. Os impostos e gastos com fornecedores não são poucos e não são fáceis de lidar.

Paciência

Dificilmente um novo negócio passa a ter lucro antes do seu um ano e meio de vida. Portanto, é preciso capital de giro, para manter a empresa funcionando, e muita calma, o desespero para obter retorno financeiro pode acabar com uma boa ideia.

Auto-análise
Antes de colocar qualquer coisa em prática, é preciso traçar seu próprio perfil. Você é empreendedora? É organizada? Ou simplesmente não aguenta mais seu chefe? Ser dona de um negócio, que para muitos pode representar trabalhar menos, é completamente o contrário. Muitas vezes, não existem finais de semana ou hora para ir para casa.

Determinação é fundamental. Se sua ideia for boa, o trabalho não será pouco e nem fácil, mas o resultado pode ser gratificante.



Foto: Stock.Xchng

 
Siga-nos no Instagram
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas